|    12 jul 2017

Um alemão em Londres

2017-blog-haendel

Haendel deixou mais de 600 composições. Sua obra monumental contempla todos os gêneros musicais de sua época, da qual realizou verdadeira síntese, fundindo – de maneira muito pessoal – elementos das escolas alemãs, italianas, francesas e inglesas. É a ele que dedicamos o quinto sábado Fora de Série de 2017.


|    13 jun 2017

O Barroco brasileiro

2017-blog-barroco-mineiro

A produção artística do período colonial no Brasil abrange, da música à arquitetura, os estilos Barroco, Rococó e, mais tarde, o Clássico. No dia 17 de junho, nossa Orquestra e convidados interpretam quatro joias deste tempo, a Abertura de “Il Duca di Foix” de Marcos Portugal, o “Magnificat”de Manoel Dias de Oliveira, o “Te Deum” de Lobo de Mesquita e o “Requiem” de José Maurício Nunes Garcia.


|    26 abr 2017

O Barroco na Alemanha

2017-blog-barroco-alemao

A música barroca alemã nos presenteou com Johann Sebastian Bach e Haendel. Trouxe-nos também outros compositores brilhantes, como Heinrich Biber, Buxtehude, Pachelbel e Telemann. Todos eles estão reunidos no terceiro capítulo dos nossos sábados Fora de Série, no dia 6 de maio, e são o assunto deste texto do pianista Paulo Sérgio Malheiros dos Santos.


|    28 mar 2017

Um paradigma chamado Antonio Vivaldi

2017-blog-vivaldi-(2)

Nos dias 1 e 2 de abril, nossa Orquestra segue percorrendo o universo da música barroca. Neste segundo capítulo, nos encontramos com a obra inigualável de Vivaldi, personagem emblemática do período.


|    2 mar 2017

De Lully a Rameau, le Baroque français

2017-blog-barroco-frances

O Barroco é Fora de Série. Ao longo de 2017, nossa Orquestra dedica nove sábados à música deste período e seu impacto nas gerações futuras. No primeiro capítulo, no dia 4 de março, mostramos a França de Jean-Philippe Rameau, François Couperin, Jean-Baptiste Lully e Marc-Antoine Charpentier.