Biografias: Chopin

José Soares, regente
Aleksandra Swigut, piano

|    Concertos para a Juventude

CHOPIN
CHOPIN
CHOPIN
CHOPIN
CHOPIN
Estudo nº 12 em dó menor, op. 10, "Revolucionário"
Concerto para piano nº 1 em mi menor, op. 11: Rondo: Vivace
Polonaise nº 1 em Lá maior, op. 40, "Militar"
As Sílfides: Excertos
Grande polonaise brilhante, op. 22

José Soares, regente

Natural de São Paulo, José Soares iniciou-se na música com sua mãe, Ana Yara Campos. Estudou Regência Orquestral com o maestro Cláudio Cruz, em um programa regular de masterclasses em parceria com a Orquestra Sinfônica Jovem do Estado de São Paulo. Participou como bolsista nas edições de 2016 e 2017 do Festival Internacional de Inverno Campos do Jordão, sendo orientado por Marin Alsop, Arvo Volmer, Giancarlo Guerrero e Alexander Libreich. Recebeu, nesta última, o Prêmio de Regência, tendo sido convidado a atuar como regente assistente da Osesp em parte da temporada 2018, participando de um Concerto Matinal a convite de Marin Alsop. Foi aluno do Laboratório de Regência da Orquestra Filarmônica de Minas Gerais, sendo convidado pelo maestro Fabio Mechetti a reger um dos Concertos para a Juventude da temporada 2019. Em julho deste mesmo ano, teve aulas com Paavo Järvi, Neëme Järvi, Kristjan Järvi e Leonid Grin, como parte do programa de Regência do Festival de Música de Parnü, Estônia. Atualmente cursa o bacharelado em Composição pela Universidade de São Paulo.

Programa de Concerto

De Fryderyk Franciszek a Frédéric François, Chopin fez de Paris seu lar, mas nunca se esqueceu de sua Polônia, onde viveu até os 20 anos – em 1830, começando por Viena, embarcou em uma turnê pela Europa, mas, no ano seguinte, veio a tomada de Varsóvia pelos russos, e ele se viu como um expatriado. Chopin abraçou sua herança polonesa através da música. Era um perito nas formas de dança, principalmente a mazurca e a polonaise, ambas uma expressão de seu orgulho nacionalista, a primeira mais melancólica, a segunda mais extrovertida. Escrita em 1838, a Polonaise Militar para piano solo é gloriosa, de espírito nobre. Sobre ela, o pianista polonês Jan Kleczynski disse: “Cada nota, cada acento, brilha vívida e poderosamente”. Em 1893, Alexander Glazunov orquestrou cinco peças do polonês, inclusive a Polonaise em Lá maior, e as reuniu em Chopiniana, op. 46.

24 mai 2020
domingo, 11h00

Sala Minas Gerais
concerto gratuito

Retirada antecipada*: a partir do dia 19 de maio, às 12h, apenas na bilheteria da Sala Minas Gerais.
Retirada no dia da apresentação*: 200 ingressos serão distribuídos na manhã do concerto, a partir das 9h, na bilheteria da Sala Minas Gerais.
* Limitada a 2 ingressos por pessoa.

|    mais informações sobre ingressos
Quero ser lembrado deste concerto.
adicione à agenda 24/05/2020 11:00 AM America/Sao_Paulo Biografias: Chopin false DD/MM/YYYY
Dom Seg Ter Qua Qui Sex Sáb
26 27 28 29 30 1 2
3 4 5 6 7 8 9
10 11 12 13 14 15 16
17 18 19 20 21 22 23
24 25 26 27 28 29 30
31 1 2 3 4 5 6